Sociedade Musical Santo Antônio

Rua Naná Kubistcheck nº 30 Parte Alta
Alvinópolis MG  35950000

Telefone: (31)98768-8189

Sociedade Musical Santo Antônio

BREVE HISTÓRICO

A Corporação Musical Santo Antônio foi fundada aos 10 de maio de 1901, que de acordo com dados recolhidos à época esta situa entre os anos de 1895-1901.
A Corporação é a unidade da "Sociedade Musical Santo Antônio", sendo assim conhecida pelo público por se tratar da banda de música propriamente dita.
Seu fundador foi o Capitão Manoel Pereira da Silva, detentor da patente de Capitão, abastado e progressista imigrante português estabelecido com casa comercial em Alvinópolis e que beneficiou a banda recém-fundada com a compra de todos os instrumentos musicais, além de local provisório para os ensaios, em antiga casa à Praça São Sebastião, nº 5. É ponto pacífico que seu primeiro regente foi Artur dos Santos Veloso (1877-1938), que começou sua regência em 1901.
As cores e detalhes da bandeira da Corporação Musical Santo Antônio foram inspirados na bandeira de Portugal, em uma homenagem ao país de origem do fundador da corporação.
No início da corporação, não havia uma diretoria propriamente dita, sendo que a organização ocorreu com o passar do tempo.
De 1910/11 até 1912 a regência passou para o jovem Edmundo Ribeiro. Sobre o período de 1912 até a década de 20 não se sabe ao certo quem exerceu a regência. Zózimo Franca esteve à frente da Corporação Musical Santo Antônio desde a década de 20 até o princípio da década de 40, quando veio substituí-lo o Sr. Antônio Pantaleão de Faria Neto (1897-?), que regeu até 1949.
Durante toda a trajetória da Sociedade Musical Santo Antônio nem sempre possuiu o apoio dos poderes públicos. Os recursos financeiros sempre foram escassos, e os músicos não possuíam condições de comprar instrumentos. Infelizmente ainda não possuímos incentivos. Por amor a arte musical, os músicos permanecem formando a corporação que felizmente persiste até hoje.
Em 1970 a Sociedade Musical Santo Antônio encontrava-se em um momento difícil. Então, dois músicos solicitaram o auxílio do jornalista Ernesto de Souza (irmão do escritor consagrado chamado Orlando de Souza) que respondia pelo jornal "O Progresso". Com o apoio da Prefeitura Municipal conseguiu quitar a dívida referente aos aluguéis atrasados e também através de José Barcelos, conseguiu um terreno localizado a Rua D. Naná Kubitschek, no 30.
Então, Ernesto de Souza foi até a Assembleia Legislativa em Brasília e através do apoio de 4 (quatro) deputados conseguiu a verba necessária para a construção da sede da Sociedade Musical Santo Antônio.
Como a Sociedade Musical Santo Antônio necessitava de novos instrumentos, Ernesto de Souza se empenhou para consegui-los. Ele foi ao Ministério da Educação no Rio de Janeiro e conseguiu os 7 (sete) principais instrumentos. Os instrumentos foram entregues no Palácio das Artes na cidade de Belo Horizonte (MG). Depois, quando saiu publicado no jornal “O Estado de Minas” que o até então Governador do Estado Sr. Newton Cardoso poderia doar novos instrumentos para as bandas mineiras, Ernesto de Souza ficou sabendo disso e resolveu escrever para o Governador. Ele conseguiu mais 3 (três) instrumentos musicais que buscou no Palácio da Liberdade na cidade de Belo Horizonte (MG). Além disso, através do Banco do Brasil, Ernesto de Souza conseguiu mais 10 (dez) instrumentos musicais que vieram da cidade de Vila Velha (E.S.).
Em 1970 há registro em Livro de Atas em que estava na regência José Policarpo da Cruz. Desta data em diante há registro de todas as diretorias eleitas.
O mesmo Livro data 1975 com regência de Francisco Policarpo da Cruz (1935-1997), que se estende até 1997, quando assumiu a batuta seu filho, o maestro e instrumentista Edvaldo Píndaro Policarpo. Em 06/03/1975 é publicado o extrato do Estatuto no jornal "Estado de Minas Gerais", e em 06/05/1975 e 08/11/1976 são realizadas Reformas Estatutárias. Em 01/06/1976, a Sociedade Musical Santo Antônio é declarada de Utilidade Pública Estadual. Em 11/05/1977 ocorreu o registro no CNSS. Em 1978, para benefício da banda, foi adquirido maquinário no qual por vários anos foi impresso o jornal “O Progresso”, pelo jornalista Ernesto de Souza, que ocupou a posição de Diretor da Sociedade Musical Santo Antônio de 1970 a 1989.
Desta data em diante há registros lavrados de todas as diretorias.
Conforme registro em livro de atas, em 1970 estava na regência o Sr. José Policarpo da Cruz.
O mesmo livro data de 1975, tendo como regência de Francisco Policarpo da Cruz (1935 – 1997), que se estendeu até 1977, quando assumiu a batuta o seu filho Edvaldo Píndaro Policarpo, e que a passou em 2000 para sua irmã Vânia Silvia Policarpo.
Neste período os uniformes usados foram sucessivamente: nas cores marrom e bege, estilo militar, com boina; em dois tons de azul, calça e camisa; e uniforme de Gala, na cor vinho, usado ainda hoje.
Desde a fundação da atual Sociedade Musical Santo Antônio pelo português, o Capitão Manoel Pereira da Silva, a banda participou de diversos eventos. Tocando nos circos e até no cinema, a banda também se apresentava a pedido em casas particulares. A banda Santo Antônio sempre foi muito conhecida. Além de todas as festas da cidade (“Mês de Maria”, “Festa de São Sebastião”, “Missa das 10 horas aos domingos”, festas cívicas, festas religiosas como a “Festa de N. S. do Rosário" e também as relacionadas ao futebol), a banda sempre foi convidada para tocar em todas as cidades vizinhas, mesmo mais distantes. Sob os auspícios do patrono Santo Antônio, a Sociedade Musical Santo Antônio mantêm uma escola de arte destinada ao aprendizado gratuito da música. Seu corpo musical tem desde jovens até antigos músicos e fizeram parte várias gerações de alvinopolenses.
Com a presença predominantemente masculina, a partir da década de 1970 a Sociedade Musical Santo Antônio começou a receber as primeiras crianças e adolescentes em seu seio, inclusive sendo a musicista Vânia que veio a ser regente, uma daquelas pioneiras, pertencendo ao corpo musical desde os 6 anos de idade.
Dada essa nova realidade, em 1988 as adolescentes Darlene Pena e Natália Gonçalves de Souza, com o apoio do então maestro Edvaldo, e por incentivo do professor de fagote da UFMG, o alvinopolense Mauro Mascarenhas Junior, iniciaram o ensino de flauta doce em Alvinópolis, criando a Orquestra de Flautas END Santo Antônio, que absorveu a demanda dos aprendizes. Trabalho este que contribuiu bastante para ajudar a manter em atividade a tradicional Corporação Musical Santo Antônio.
Outros momentos marcantes na história desta Centenária Sociedade Musical aconteceu em 1997 quando ela foi apresentar no Encontro de Bandas em Belo Horizonte realizado pela Prefeitura da cidade em comemoração ao seus 100 anos de fundação, cujo tema do encontro foi, “100 Bandas para BH”. Outro no ano de 2000, quando foi convidada pela Secretaria Estadual de Cultura de Minas Gerais, para se apresentar na praça da Liberdade, dentro das comemorações do “Projeto Brasil 500”, que em Minas Gerais tinha o lema: “Brasil 500 anos, em Minas são outro 500”.
E outro momento marcante foi também em 2007 quando esta sociedade musical conseguiu através da equipe da época, firmar um convênio junto ao Governo Federal através do Ministério da Cultura e Fundo Nacional da Cultura, que possibilitou a aquisição de mais instrumentos novos para os músicos e aprendizes e assim devolver alguns usados que estavam com ela a título de empréstimos.
A banda da Sociedade Musical Santo Antônio, sempre teve a fama de ser uma das melhores bandas do Estado de Minas Gerais. Durante os eventos, a banda recebeu troféus e medalhas que fazem parte sua história. Dentre os troféus destacam-se a participação da Banda em “Encontros de Bandas” nas diversas cidades como: Dom Silvério, Lafaiete, João Monlevade, Sete Lagoas, Belo Horizonte, Acaiaca, Catas Altas, Santa Cruz do Escalvado, Cláudio Manuel, Sem Peixe, Amparo do Serra, Nova Serrana, entre outros.
Outro momento marcante na história dessa Centenária Sociedade Musical Santo Antônio foi quando comemorou o aniversário de 100 anos de fundação da entidade.
No ano de 2001, quando a Sociedade Musical Santo Antônio completou o seu centenário, ocorreu o “I Encontro Regional de Bandas em Alvinópolis”. Foram convidadas muitas bandas que homenagearam a banda de Alvinópolis. Dentre as bandas que estiveram presentes ao evento citam-se as Corporações Musicais das cidades de Ipatinga, Mariana, Jaguaraçu, Juatuba, Sem Peixe, Bela Vista de Minas, Dom Silvério, dentre outras. Nesta ocasião, a Sociedade Musical Santo Antônio tinha como Presidente Mario Afonso da Silva. Foi montado um palanque na Praça São Sebastião e muitas autoridades regionais estiveram presentes no dia 17 de junho de 2001 para prestar a justa homenagem a Sociedade Musical Santo Antônio e ao seu fundador, o Capitão Manoel Pereira da Silva.
Este Encontro Regional de Bandas ocorreu durante o dia com as bandas se revezando em esplêndidas apresentações.
Foi um acontecimento singular na história da Sociedade Musical Santo Antônio.
Na ocasião, a família do português fundador da Corporação, recebeu uma placa de homenagem póstuma, com os seguintes dizeres:
“A Manoel Pereira da Silva (i.m.) prestamos nossa homenagem, agradecendo pela inestimável participação na construção de nossa história centenária, que contribuiu de forma expressiva para o desenvolvimento cultural da sociedade alvinopolense – Sociedade Musical Santo Antônio – Alvinópolis – M.G., 17 de junho de 2001”.
Apresentação da Sociedade Musical Santo Antônio durante as Festividades em Honra a Padroeira Nossa Senhora do Rosário em Alvinópolis. Como pode-se ver na foto abaixo a composição da época.
Em 2002 a Sociedade Musical Santo Antônio, através do apoio da Prefeitura Municipal realizou uma reforma em sua sede localizada na Rua D. Naná Kubitschek, no 30.
Fachada da atual Sede Social da Centenária Sociedade Musical Santo Antônio.
Ultimamente alguns membros da Sociedade Musical Santo Antônio tem realizado um trabalho de pesquisa com o objetivo de resgatar e registrar

Este será um espaço para divulgar, registrar, comunicar tudo que for relativo as atividades da Centenária Sociedade Musical Santo Antônio de Alvinópolis.

Educar, Preservar e Entreter oferecendo uma política pública educacional e cultural a população alvinopolense!

Mostrar o Mapa Website

Informações do Local


Fundado: 10 de Maio de 1901

Categorias: Local para eventos e apresentações, Estúdio musical, Instituição de ensino




Informar um Problema

Belo Horizonte Tweets

Glauber Afonso
Glauber Afonso
Shuttle run pra fechar a semana

POR DENTRO DE TUDO
POR DENTRO DE TUDO
Acesse: https://t.co/8eeuQMDlmm #pordentrodetudo #matozinhos #pedroleopoldo #jornal #vetornortemg #setelagoas… https://t.co/Z7vKrhYT1A

Liliane Martins
Liliane Martins
BALLOON

BH em Detalhes
BH em Detalhes
Little Joe Pizza Bar #bhdetalhes #belohorizonte #pizza #pizzabh #littlejoepizzabar #drinks https://t.co/vTlbRZFDrf https://t.co/fPBEl93GWT

Richard Castro
Richard Castro
TPA com direito a banho de bolhas noturno. Waterchange with a nice overnight bubble shower. #aquarioplantado… https://t.co/npnlIImDFY

BRAVE CF
BRAVE CF
Now look at the info graphics of Bruno Assis history maker! #Middleweight #MMA #BRAVECF25

BRAVE CF
BRAVE CF
Look at the numbers of @MarloncamDerik #MMA #BRAVECF25

Paullo gallas #KARNAGERC
Paullo gallas #KARNAGERC
Relax #photography #relax #belohorizonte #goodvibes https://t.co/lyUd3EzPJo

loversabroad
loversabroad
Gorgeous sunrise over Brazil #firstclass #group1 #priority americanair #AmericanAirlines #BeloHorizonte #Brazil… https://t.co/Z5UW1CTFSo